Brain Storm Bacalhau.

6 03 2010

CONTRA O BOAVISTA, MAIS UMA CHANCE DE PENSAR FORA DA CAIXA.

O desabafo do irmão Wander Brito no post abaixo inspirou esta divagação.

Do jeito que está não dá para ficar, e Mancini que me desculpe, mas na ausência de um lateral de ofício, apenas trocar o Martinelli pelo Gian é o mesmo que trocar a camisa 6 do Vasco pela de número meia duzia.

O Boavista seria mais uma das inúmeras chance de ouro que o fraquíssimo Cariocão permite para quem gosta de ousar. Oportunidade esta que será raríssima no segundo semestre.

A culpa não é exclusivamente do técnico, que como já comentei, foi o último a ser contratado, depois do elenco já fechado. Seja qual for a filosofia de Mancini para montar um grupo, ela não está presente no seu trabalho cruzmaltino.

Tomemos como exemplo o melhor técnico que passou pelo Vasco nos últimos anos, mas que infelizmente saiu pela porta dos fundos.

Dorival, que encontrou o clube com apenas três atletas, montou dois times idênticos, o titular e o reserva. Quando perdia Amaral, colocava o Mateus, quando Pimpão não jogava, entrava o Robinho, na ausência de Jefferson, Enrico e depois Fumagalli ocupavam a lacuna.

Com o elenco que contratou, Junior conseguiu manter um time base e um esquema definido ao longo de 12 meses ininterruptos.

Por serem de sua confiança, os atletas recebiam todas as oportunidades, a ponto de alguns até se queimarem com a torcida, como o nada saudoso Enrico.

Certo ou errado, Dorival sempre mostrou algo fundamental para a formação de uma equipe e para conquistar a confiança dos comandados e da torcida: coerência.

E isso está faltando ao seu sucessor.

Cadê o Mancini ofensivo, que foi dispensado do Grêmio por atacar demais? Cadê o Mancini criativo, que tirou leite de pedra com o limitado Paulista. Cadê o Mancini?

Não adianta reclamar do elenco ou sonhar com contratações sem pensar em alternativas para fazer omelete com os ovos de codorna que temos na mão.

Não temos nem teremos laterais no Carioca. Fato. Porém, sendo bonzinho com o artilheiro Fernando, temos pelo menos quatro zagueiros em condições de serem titulares.

Temos também dois pangarés que se não são laterais pelo menos correm, driblam e vão a linha de fundo, como Robinho, o cover de Mario Tilico e o Geovani Maranhão que jogou 15 minutos de futebol bizarro, mas acabou sendo decisivo para nossa classificação na Copa do Brasil.

E temos dois jogadores que não podem ficar de fora, Coutinho e Carlos Alberto e três atacantes de razoáveis para bons, Dodô, Elton e Coelho.

Fica aqui a minha sugestão. Não acho que seja perfeita, longe disso, mas pelo menos seria uma tentativa de pensar diferente.

Fernando Prass

Fernando ou Martinelli, Titi e Gian ou Gustavo

Rafael Carioca (jogando fixo, sem passar do meio campo) e Souza (atuando um pouco mais solto, na ligação)

Coutinho (ala direita) , Carlos Alberto (fazendo exatamente o que faz hoje) e Robinho ou Maranhão (ala esquerda)

Dodô e Elton ou Rafel Coelho.

Reparem que a sugestão não é muito diferente, no papel, do time que vai a campo no Domingo.

Basicamente, a ideia é trocar o Elder Granja, que só tem dado ovo podre, por um dos pontas pangarés, conscientizar o Coutinho que com a habilidade que tem, ele pode abrir avenidas nas laterais adversárias e colocar o Gian em sua verdadeira posição, ja que ele não tem físico nem velocidade para atuar de lateral, mas é sim um bom zagueiro.

Daria certo? Não sei. O que sei é que do jeito que está, está dando errado.

E já dizia um tal de Einstein, o conceito de insanidade é continuar a  fazer uma coisa do mesmo jeito e esperar um resultado diferente.

O espaço fica totalmente aberto para os amigos do blog participarem deste brain storm Bacalhau.

Glub.

Anúncios

Acções

Information

7 responses

7 03 2010
Jeferson

Mancini diz que Carlinhos e Ari não estão prontos para jogar, mas Philipe Coutinho, mais novo que os dois, é peça fundamental em nosso time. A zaga é muito pesada e só funcionou no início por causa da proteção que tinha por parte dos três volantes. Cadê Ramon? Pegue o dinheiro da Eletrobrás e compre logo esse menino, pois ele faz uma falta tremenda. Ele é infinitamente superior ao Márcio Careta.
O Mancini me parece o mais perdido nesse caso, apostando em Elder Canja de Galinha e Elton. Cadê o meia argentino? Cadê o meia que veio do Guarani? Cadê o Jéfferson? Pombas, o elenco não é isso tudo, eu sei, mas existem mais de 30 atletlas por lá.

Time ideal:

Prass
Fágner
Gustavo
Titi
Carlinhos
Carioca
Souza
Casalberto
Coutinho
Coelho
Dodo

9 03 2010
Zé do Pipo Jr

Mancini tá pedido, Jeferson, assim como seu chará Vascaíno que vai completar um ano fora de campo. Goste do seu time, do meio campo pra frente, mas os laterais não dá pra contar não. Carlinhos nunca vimos e o Fagner joga uma partida e para três. Caique e Palermo devem ser tão ruins que não tiveram nem chance. O tal do Geovani Maranhão também. Se não são bons o suficientes, o melhor seria dispensar e repor. Abs e glub.

9 03 2010
Zé do Pipo Jr

Mancini tá perdido, Jeferson, assim como seu chará Vascaíno que vai completar um ano fora de campo. Goste do seu time, do meio campo pra frente, mas os laterais não dá pra contar não. Carlinhos nunca vimos e o Fagner joga uma partida e para três. Caique e Palermo devem ser tão ruins que não tiveram nem chance. O tal do Geovani Maranhão também. Se não são bons o suficientes, o melhor seria dispensar e repor. Abs e glub.

7 03 2010
Wander Britto

É… me parece que do Brain Storm vascaíno, ficou apenas o “storm”… o grupo precisa de uma cabeça que pense! E rápido!!!

Zé, obrigado pela “homenagem”! É bom saber que os colaboradores deste blog são lidos e – principalmente – entendidos! Espero que meu próximo desabafo a inspirar um post seja de alívio, por ver as coisas funcionando nesse time e nossa torcida comemorando um campeonato!

Grande abraço!

Ao VASCO, tudo!!!

Arriba!!!

9 03 2010
Zé do Pipo Jr

O brainstorm virou chuva de pica, meu amigo.
E quanto à homenagem, eu é que agradeço suas sábias palavras.
Ao Vasco tudo, arriba, aruba e glub.
Abs!

7 03 2010
Carlos

Concordo com vc, se não temos laterais…que joguemos sem laterais!…o q não adianta é pegar alguem que não sabe jogar ali e querer que jogue ali!

9 03 2010
Zé do Pipo Jr

pois é, Carlinhos, mas colocar o Coutinho na esquerda foi dose, no segundo tempo ele funcionou bem melhor pela direita, pena que quem o substituiu foi o Robinho que entrou mal.
E tirar os dois centroavantes no mesmo jogo com o placar em 0 a 0 pode ter sido o bolhetinho azul do Mancini, que de coerente não tem nada.
Abs e glub.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: