Missão cumprida.

9 06 2011

 

 

 

 

Família Bacalhau, nós conseguimos.

Campeões com dor, sofrimento, esforço, luta, raça, disposição, categoria, galhardia e brilho.

Campeões com corpo e alma de Vasco.

Daqui a pouco eu volto.

 

 





Zé do Pipo ainda vive.

6 05 2011

MIL DESCULPAS, IRMÃOS, SÓ POSSO DIZER QUE ESTOU TRABALHANDO PELO VASCO MAIS DO QUE NUNCA, SEM TEMPO PARA ABSOLUTAMENTE NADA E PARA PIORAR, EM LITÍGIO COM A P… DO VELOX, QUE NÃO FUNCIONA NA MINHA CASA HÁ UNS 15 DIAS!

PRA CIMA DELES, VASCO!!!!

GLUB.

PS – INCRÍVEL, MAS VOCÊS NUNCA CANSAM. LEIO CADA UM DAS DEZENAS DE COMENTÁRIOS E TENHO MUITO ORGIULHO DA FAMÍLIA QUE FORMAMOS.

GLUB.





Trailer do jogo de Domingo.

29 04 2011

O urubu é o violão…

Glub.





O Reizinho voltou.

27 04 2011

“Estou retornando ao Vasco por duas instituições deste clube que são a sua torcida linda e fantástica e seu presidente, homem simples e do bem. Eu precisava fazer isto e sempre disse que o que faltava era iniciativa. Em 2009, Rodrigo Caeta…no me mandou um e-mail e conversamos. A coisa não andou. Faltava o projeto, o encaminhamento de uma proposta de trabalho. E este ano, com a ajuda do próprio Rodrigo e do Fuentes, Roberto esteve em Recife e ali sacramentei minha volta. Estou muito feliz” – comentou Juninho com exclusividade ao SITE OFICIAL.

Glub.





Foi feio, mas ficou bonito.

24 04 2011

O 1×0 no Olaria colocou o Vasco na final da Taça Rio pela primeira vez desde 2004.

O time não jogou bem, é verdade, devido principalmente a inoperância de seus laterais, sendo que Allanzinho fez a pior partida de sua vida.

Quando Ramon resolveu correr um pouco no início do segundo tempo, dominamos completamente o adversário.

Podíamos ter ampliado duas vezes com Alecsandro (mostrou muito faro de gol) e no penalti sofrido e batido pelo endiabrado Bernardo.

Outro que jogou muita bola mais uma vez foi o volante Felipe Bastos. A bola que ele enfiou para o Eder Luis foi uma pintura muito parecida com o passe que seu xará marginal deu para o Robinho na última Copa do Mundo.

Acho que a convivência com o Maestro Felipe (que ontem não foi tão bem) está lapidando o futebol deste rapaz.

Os zagueiros também foram mais uma vez muito estáveis, sendo que Dedé, sozinho, segura toda a defesa.

Rômulo foi discreto como sempre e Eder Luis a vaca braba que nos acostumamos a ver, mas autor do gol da vitória.

E que golaço.

Pena que Diego Souza ainda se mostra preso em campo destoando dos companheiros de equipe.

Deixaram chegar.

E nós chegamos.

Segura que eu quero ver.

Glub.

Toques Curtos:

(importado do facebook)

Nesta data tão especial, peço aos tricolores que esqueçam a rivalidade histórica que os separa de seu co-irmão desdentado.
E, mesmo que por um instante apenas , despertem em seus corações o sentimento nobre e solidário de amor ao próximo, seja ele quem for.
E para simbolizar este momento de redenção, sugiro que presenteiem os torcedores rubro-negros com ovos de Páscoa, na entrada do estádio, como sinal de sua boa vontade.
Da última vez que fizemos isso terminou 5×1.

Glub.





Meninos, eu não vi.

18 04 2011

VASCO EMPATA COM OLÁRIA E DESCLASSIFICA O BOTAFOGO.

É UM PÁSSARO? É UM AVIÃO? NÃO, É O PENALTI DO RONALDINHO GAUCHO.

” O FUTEBOL É UM ESPORTE INJUSTO, SE FOSSE NO RUGBY PELO MENOS VALIA UM PONTO = RG0

ZE DO PIPO VIAJA, NÃO VÊ NENHUM JOGO NA RODADA MAS DORME COM UM SORRIZINHO NO CANTO DA BOCA.

AGORA É COM VOCÊS.

Glub.

Toques curtos:

By Daniel:

Ta vendo aquela bola que voa lá no céu?

Foi o ronaldinho que mandou ela pra lá!

E o penalty que o juiz deu,

Foi pra ajudar o framengo e ele perdeu…

que coisa louca,eu já sabia!

enquanto ele se arrumava algo me dizia…


Você vai isolar! geral vai te zoar!

E o VASCO vai pegar o Olaria… ♪♫

Você vai isolar! geral vai te zoar!

E o VASCO vai pegar o Olaria… ♪♫

Vanderlei:

Nada mais brasileiro que ser vascaino nada mais vascaino que sermos irmaos bacalhau!

Glub.





Noite de Carrossel Bacalhau.

14 04 2011

Confesso que desde 2006, quando retornei ao Brasil depois de uma longa temporada na Europa, eu não via uma exibição do Vasco como a de hoje.

O time jogou como equipe e a equipe jogou muito.

A bola foi de pé em pé durante os 90 minutos e mesmo com Eder Luis se fartando de perder gols e chances claras, mais uma vez, o gigante da colina deu um show.

O Vasco foi uma máquina de criar chances, com um total de 23 chutes a gol, dos quais pelo menos a metade com perigo real e absoluto.

Além do trabalho coletivo, tivemos destaques individuais importantes.

Felipe Bastos fez a melhor exibição de sua vida, só faltou a gol, mas só porque a trave salvou.

Dedé foi o segundo melhor em campo, Felipe segue fazendo o oposto do que todos acham que ele vai fazer, como quando deixou Diego Souza na cara do gol, ao invés de rolar pro Ramon, ainda no primeiro tempo.

Anderson Martins não perdeu uma bola, Rômulo e depois Jumar foram bem, sendo que eu experimentaria começar com o segundo nos clássicos.

Allan segue se superando, enquanto Diego Souza e Alecsandro seguem abaixo do que podem fazer, assim como Leandro que dessa vez entrou meio fora de sintonia.

Bernardo não, entrou com fogo nos olhos, perdeu dois gols, mas marcou um golaço de falta que deu números finais aos 3×0.

Mas volto a mencionar, mesmo com todos estes destaques individuais, o que fez a diferença hoje foi o espírito de equipe, a forma como o time se entregou, se distribuiu em campo, começando pela defesa, intransponível, passando pelo pelo meio campo, que ganhou praticamente todas as dividas e rebotes, sempre com imensa categoria e chegando ao ataque, onde infelizmente a falta de pontaria foi o único fator que evitou uma goleada ainda mais contundente.

Mesmo assim, foi lindo.

Glub.








Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.